Etecs promovem atividades virtuais no Dia Mundial do Meio Ambiente

In Cidades On
- Updated

Na semana em que é celebrado o Dia Mundial do Meio Ambiente, diversas Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) lebram a data com atividades educativas virtuais, devido ao isolamento social necessário para o enfrentamento do novo cornonavirus. Em 1972, a Organização das Nações Unidas (ONU) estabeleceu a comemoração em 5 de junho.

A Etec Dr. Dário Pacheco Pedroso, localizada em Taquarivaí, na Região de Itapeva, por exemplo, oferece duas palestras online, nas quais especialistas abordam temas como monitoramento de impactos ambientais, políticas públicas e aspectos econômicos da reciclagem.

Neste sábado (6), os estudantes da unidade participam de uma oficina online sobre reciclagem de papel. “Os alunos foram orientados a separar previamente os materiais que encontrarem em casa”, explica a coordenadora do curso técnico de Meio Ambiente, Paula Bagdal. “ O envolvimento nestas atividades é uma forma deles entenderem na prática as destinações corretas de cada resíduo.”

O objetivo é que as oficinas se repitam com outros tipos de recicláveis. Estudantes dos cursos técnicos de Agronegócio, Agropecuária, Florestas, Meio Ambiente e Recursos Humanos podem participar por meio da plataformaMicrosoft Teams.

Pandemia e meio ambiente

Em Araras, a Etec Prefeito Alberto Feres indicou uma série de audiovisuais para serem assistidos e debatidos pelos estudantes. Os vídeos abordam a relação entre a Covid-19 e o meio ambiente. Já as atividades na Etec de Vargem Grande do Sul terminam nesta sexta-feira, com palestra e roda de conversa sobre o tema Perspectiva de futuro ambiental pós-pandemia. Durante a semana, os próprios alunos gravaram vídeos comemorativos e informativos.

Outras iniciativas

Projetos voltados à sustentabilidade e preservação ambiental são tradição entre estudantes das Etecs. Recentemente, alunas da Etec Conselheiro Antônio Prado, de Campinas, desenvolveram o BioAbs, uma alternativa sustentável aos absorventes femininos. Resultado de Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), o projeto também conquistou o segundo lugar no Prêmio Inovar Solvay Rhodia.

Na última edição da Feira Brasileira de Ciências e Engenharia (Febrace), promovida pela Universidade de São Paulo (USP), diversos trabalhos de etecanos trilharam caminho semelhante, entre eles, o cimento ecoeficiente, que se propõe a reduzir impactos ambientais e poupar recursos naturais.

You may also read!

Marina defende programa Cidades Verdes Resilientes para São Bernardo em ato com Luiz Fernando

Joaquim Alessi Objetiva e prática, a ministra do Meio Ambiente e Mudança do Clima, Marina Silva (Rede Sustentabilidade), destacou na

Read More...

Há mais de 500 pessoas que podem receber Vale Gás e Vale Supermercado e precisam entregar documentos em São Caetano

Joaquim Alessi O prefeito José Auricchio Júnior lançou um alerta importante na manhã deste sábado (22.6), durante o Inverno Solidário. "Tem

Read More...

Golaço: Auricchio entrega novo campo do Gisela em São Caetano

O prefeito José Auricchio Júnior entregou no início da noite desta sexta-feira (21.6) mais um campo de futebol com

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu