Diadema em estado de emergência contra a dengue desde este sábado

In ABCD, Saúde On
Foto: Divulgação Secom/PMD

Cidade acolhe orientação do Consórcio Intermunicipal Grande ABC diante da alta de casos; medida envolve ações de orientação

A Prefeitura de Diadema decretou a partir deste sábado (23.03) estado de emergência por causa do alto número de casos de dengue contabilizados na cidade.

A decisão foi tomada, em primeiro lugar, em âmbito regional, juntamente com cidades integrantes do Consórcio Intermunicipal Grande ABC.

Dos cinco municípios associados, além de Diadema, Santo André, Mauá e Ribeirão Pires também decidiram publicar neste sábado o decreto de emergência contra a dengue.

Rio Grande da Serra ainda vai aguardar, uma vez que a incidência da doença naquela cidade, por enquanto, é baixa. São Bernardo e São Caetano não fazem parte do Consórcio.

Sem criar pânico

Prefeito de Diadema e presidente do Consórcio, José de Filippi Júnior explicou que o decreto de estado de emergência tem como meta alertar a população sobre a alta do número de casos.

“Não é para criar pânico, mas precisamos estar atentos no combate ao mosquito Aedes aegypti. Combater a dengue é dever de todos, poder público e população”, citou, em resumo.

Outra finalidade do decreto envolve, acima de tudo, o aumento do repasse do Governo Federal para ações de mitigação da dengue.

Filippi comentou que haverá intensificação de campanhas de conscientização e fiscalização.

“É importante que o Governo Federal e o Governo do Estado também aumentem a divulgação de ações contra a dengue”, ponderou.

Uma das atividades que serão organizadas regionalmente é um Dia D de combate à dengue em todas as cidades do Grande ABCD.

A mobilização deve acontecer nesta semana – haverá reunião nos próximos dias para articulação da ação.

O decreto tem como base, em conclusão, recomendação do Cosems (Conselho de Secretários Municipais de Saúde) de São Paulo, que orienta a publicação de estado de emergência em situações onde há grande incidência de casos a cada 100 mil habitantes, aumento nos atendimentos nos postos públicos e crescimento do número de óbitos.

You may also read!

Marina defende programa Cidades Verdes Resilientes para São Bernardo em ato com Luiz Fernando

Joaquim Alessi Objetiva e prática, a ministra do Meio Ambiente e Mudança do Clima, Marina Silva (Rede Sustentabilidade), destacou na

Read More...

Há mais de 500 pessoas que podem receber Vale Gás e Vale Supermercado e precisam entregar documentos em São Caetano

Joaquim Alessi O prefeito José Auricchio Júnior lançou um alerta importante na manhã deste sábado (22.6), durante o Inverno Solidário. "Tem

Read More...

Golaço: Auricchio entrega novo campo do Gisela em São Caetano

O prefeito José Auricchio Júnior entregou no início da noite desta sexta-feira (21.6) mais um campo de futebol com

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu