Santo André distribui máscaras, cobertores e alimento para pessoas em situação de rua

In ABCD On
- Updated
Foto: Angelo Baima/PSA

Equipes da Prefeitura de Santo André iniciaram na noite desta quinta-feira (7) operação de abordagem de pessoas em situação de rua, com o objetivo de oferecer acolhimento em albergues e ofertar kits com máscaras, roupas, cobertores e lanches. A ação ocorre em meio à queda de temperatura na cidade e beneficia parcela da população em situação de vulnerabilidade diante da pandemia de Covid-19.

A iniciativa, realizada pela Secretaria de Cidadania e Assistência Social em parceria com outras secretarias, é uma antecipação da Operação Inverno, desencadeada sempre no início da estação mais fria do ano.

“Estamos adiantando a operação por conta das baixas temperaturas e também por conta da Covid-19, já que essas pessoas que estão na rua apresentam um grau maior de vulnerabilidade, tanto com relação ao frio, quanto em relação à pandemia. Por isso temos esse olhar e cuidado com essa população neste momento. É uma ação intersetorial, com auxílio de todas as secretarias, buscando minimizar qualquer dano ou risco que essa população possa sofrer pela sua condição”, afirmou o secretário de Cidadania e Assistência Social, Marcelo Delsir. 

O principal objetivo das equipes de abordagem social é sensibilizar e convencer as pessoas em situação de rua a aceitarem a oferta de atendimento nos alojamentos da Prefeitura, como o Centro POP, localizado na região central da cidade, a Casa de Acolhimento, que fica no Parque Miami e o Albergue Noturno, que funciona na Vila Cecília Maria. Estes locais fornecem higienização, alimentação, cama e cobertor. Caso não aceitem a oferta, os moradores recebem kit com lanche, roupas, máscaras e cobertores.

“A população de Santo André tem demonstrado sua solidariedade e neste momento pedimos doações de agasalhos, itens de higiene pessoal, toalhas de banho e cobertores, é a nossa prioridade. Neste período delicado, ainda mais em meio à pandemia do coronavírus, queremos levar conforto para essas pessoas. Além do enfrentamento à Covid-19, com essa questão do frio precisamos ter mais um cuidado para que essas pessoas tenham o mínimo de dignidade, de respeito e de atenção do serviço público”, afirmou o prefeito Paulo Serra. 

Neste ano, a Prefeitura de Santo André está ampliando o número de vagas nos alojamentos, com a meta de chegar a 180 vagas disponíveis para pessoas em situação de rua, quase que dobrando a capacidade atual de acolhimento. A Operação Inverno ocorrerá até o final de setembro e será intensificada sempre que houver queda de temperatura.

A orientação para o munícipe que encontrar uma pessoa em situação de rua é entrar em contato em qualquer um dos telefones das equipes do serviço de abordagem social do Centro POP (Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua) de Santo André, pelos números 4427-6207 e 4432-2182. 

Outra opção é ligar para o Centro de Operações Integradas (COI) pelo telefone 199. As imagens geradas pelo COI auxiliam as equipes na localização de pontos que possam contar com pessoas em situação de rua.

Texto: Daniele Vieira

You may also read!

Marina defende programa Cidades Verdes Resilientes para São Bernardo em ato com Luiz Fernando

Joaquim Alessi Objetiva e prática, a ministra do Meio Ambiente e Mudança do Clima, Marina Silva (Rede Sustentabilidade), destacou na

Read More...

Há mais de 500 pessoas que podem receber Vale Gás e Vale Supermercado e precisam entregar documentos em São Caetano

Joaquim Alessi O prefeito José Auricchio Júnior lançou um alerta importante na manhã deste sábado (22.6), durante o Inverno Solidário. "Tem

Read More...

Golaço: Auricchio entrega novo campo do Gisela em São Caetano

O prefeito José Auricchio Júnior entregou no início da noite desta sexta-feira (21.6) mais um campo de futebol com

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu