Prefeitura de Santo André restringe acesso a Paranapiacaba

In ABCD On
- Updated
Paranapiacaba. Foto: Helber Aggio, da PMSA

Até 10 de maio, apenas moradores e pessoas que desempenham funções relacionadas ao serviço público ou a atividades essenciais poderão entrar na Vila
 

A Prefeitura de Santo André decidiu restringir a partir deste sábado (18) o acesso a Paranapiacaba apenas para moradores da Vila e pessoas que desempenham funções relacionadas ao funcionamento de serviços públicos ou atividades essenciais. A iniciativa é mais uma medida implementada no município para combater a pandemia provocada pelo novo coronavírus. A restrição valerá até 10 de maio.

A medida consta em decreto do prefeito Paulo Serra publicado neste sábado. São consideradas residentes as pessoas que comprovem endereço na Vila, através da apresentação de conta de consumo, contrato de trabalho ou de aluguel residencial, ou ainda outro documento de residência em nome do morador ou de parente, bem como as pessoas que possuam imóvel em Paranapiacaba, o que deve ser comprovado por documento de posse ou propriedade. 

“O Parque Natural Nascentes de Paranapiacaba está fechado, assim como todos os pontos turísticos e estabelecimentos comerciais desde que as primeiras medidas contra a Covid-19 foram decretadas em Santo André. Ainda assim, existem pessoas que visitam a Vila, muitos vêm a pé ou de bicicleta. Por isso a necessidade de proibir o acesso de pessoas que não morem em Paranapiacaba. É preciso preservar a saúde não só de quem mora no local, mas também de quem visita. O isolamento social é a principal maneira de conter o coronavírus”, afirmou o secretário de Meio Ambiente, Fabio Picarelli.

A fiscalização será feita pela Secretaria de Meio Ambiente, Guarda Civil Municipal e Secretaria de Mobilidade Urbana. A recomendação é que os profissionais autorizados a acessar a Vila por realizarem atividades essenciais fiquem no local apenas o tempo necessário para fazer o serviço.

Bloqueios – A Prefeitura de Santo André, por meio da Secretaria de Meio Ambiente, já vem realizando aos finais de semana, desde o dia 4 de abril, bloqueios para conscientização de turistas que desejam visitar a Vila. A partir deste sábado os bloqueios serão diários e terão a função de comunicar aos visitantes que o acesso é restrito a moradores e solicitar seu retorno.

Os bloqueios são realizados em dois pontos: no acesso à estrada de terra que leva à parte baixa de Paranapiacaba e na entrada da parte alta, e vão continuar enquanto durar a quarentena.

Texto: Paola Zanei

Paranapiacaba, em foto de Helber Aggio, da PMSA

You may also read!

Parque do Guapituba ganha melhorias da Prefeitura de Mauá

Número de frequentadores triplicou, acima de tudo, após o início das intervenções realizadas pela administração municipal O Parque Ecológico do

Read More...

Fies: estudantes podem se candidatar a vagas remanescentes a partir de 27 de junho

Inscrições vão até 1º de julho. Processo oferta vagas que restaram da seleção do primeiro semestre nas instituições privadas;

Read More...

Ministro Wellington Dias debate assistência social em São Bernardo com Luiz Fernando

Encontros servem, em primeiro lugar, para preparação do programa de governo da pré-candidatura de Luiz Fernando ao Paço O pré-candidato

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu