Moradores aprovam testagem contra a covid-19 nas habitações coletivas de São Caetano

In Saúde On
- Updated
Foto: Eric Romero / PMSCS

A Prefeitura de São Caetano do Sul iniciou nesta quarta-feira (17/6) a testagem em massa em habitações coletivas, popularmente conhecidas como cortiços.

O objetivo é identificar, especialmente, pessoas que contraíram o coronavírus e não apresentaram sintomas, e que, sem o diagnóstico, são potenciais transmissores da covid-19.

No primeiro dia da ação, foram testadas 103 pessoas, sendo que 4 positivaram para o coronavírus. A meta da Secretaria de Saúde é levar o teste rápido aos 15 mil moradores de habitações coletivas da cidade.

O resultado de cada exame sai em até 15 minutos. “Queremos identificar os assintomáticos, que são propagadores do vírus sem saber”, enfatizou o prefeito José Auricchio Júnior.

Morador do Bairro Santa Maria, o jornalista e escritor Hildebrando Pafundi, de 80 anos, elogiou a ação. “É uma grande iniciativa. Outras prefeituras deveriam fazer o mesmo, já que combate uma doença grave e sem tratamento”, avaliou, para, em seguida, mostrar satisfação com o resultado negativo do teste. “O coração está aliviado.”

Vizinha do sr. Hildebrando, Maria do Carmo Santos Oliveira também testou negativo para o coronavírus. “Fico mais tranquila, mas continuarei adotando todos os cuidados para que essa doença não chegue perto de mim.”

Para assegurar que os positivados não transmitam a doença a outras pessoas, a Prefeitura convida aqueles que não têm condições de fazer o isolamento adequado ao Crais (Centro de Referência de Acolhimento e Isolamento Social), criado especialmente para esta ação. São 100 vagas, no 5º andar do Hospital São Caetano.

“É um serviço de hotelaria para garantir o isolamento adequado, com conforto, alimentação e supervisão médica”, concluiu Auricchio. As pessoas atendidas não terão qualquer tipo de contato com os pacientes internados no Hospital de Campanha, montado no 3º e 4º andares.

Este é o quinto programa de testes da municipalidade contra a covid-19. Somando os atendimentos no Drive Thru, no Disque Coronavírus, nos bloqueios de trânsito e no Inquérito Epidemiológico, além de servidores na linha de frente de combate à pandemia e pacientes dos hospitais, 33 mil pessoas já foram testadas, o que representa 20,5% da população da cidade.

Texto: Mark Ribeiro

You may also read!

Nove ônibus zero, acessíveis, com ar-condicionado e wi-fi renovam frota do transporte público de São Caetano

São Caetano tem, em primeiro lugar, Tarifa Zero, transporte público gratuito, desde novembro de 2023. E agora, além disso, os

Read More...

Mais de 400 entidades de todo o Estado participam da Audiência Pública promovida pela Deputada Carla Morando e MACF

Mais de 400 entidades participaram da Audiência Pública para discutir o Programa Nota Fiscal Paulista, promovida pela deputada estadual

Read More...

Morando sanciona lei que torna obrigatória presença da GCM nas escolas municipais

Medida pioneira, criada pela Prefeitura de São Bernardo em abril de 2023, visa garantir a segurança na comunidade escolar

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu