Especialista orienta como evitar o entupimento e dor de ouvido nas viagens de férias

In ABCD, Saúde On
- Updated
Otorrinolaringologista Thiago Brunelli Resende da Silva, do hospital Santa Casa de Mauá/Divulgação

Em razão da pressão atmosférica, muitas pessoas sentem dores de ouvido em decolagens ou pousos de avião ou, ainda, em viagens de carro com trechos de serra.

Segundo o otorrinolaringologista Thiago Brunelli Resende da Silva, do hospital Santa Casa de Mauá, essa dor ou o entupimento é conhecido como barotrauma do ouvido.

Um trauma no tímpano que geralmente é momentâneo, mas que pode se tornar mais grave.

“O barotrauma é causado pela diferença de pressão do ar dentro da orelha média e a pressão atmosférica do ambiente externo”, explica, em reumo, o especialista.

Geralmente, a maioria dos passageiros de avião tem a sensação de ouvido entupido ou a diminuição da capacidade de audição que, aos poucos, volta ao normal.

O barotrauma também é comum, por exemplo, em mergulhos mais profundos e em esportes de altas altitudes.

Os resfriados, gripes e alergias e os tratamentos em câmaras de oxigênio hiperbáricas também podem intensificar a condição.

Entre os principais sintomas estão a dor e o entupimento do ouvido, diminuição da audição, zumbido, dor de cabeça, perda auditiva temporária, tontura, náusea, vômito e sangramento.

Pode ser mais grave

Embora a maioria dos casos sejam temporários, esses sintomas também podem ser mais graves, persistentes e constantes.

Com isso, podem provocar sangramentos, ruptura do tímpano e otite.

Algumas dicas podem ajudar a evitar o entupimento auditivo.

Uma delas é mascar chiclete, bocejar, engolir, ou ficar acordado durante as decolagens e pousos.

Além disso, respirar fundo e segurar a saída do ar com bocas e nariz tapados por alguns instantes.

As crianças e bebês podem sofrer mais com esse desconforto e uma boa sugestão é amamentá-los ou oferecer líquidos.

Os descongestionantes nasais também podem ajudar, já que abrem as vias nasais e ajudam no equilíbrio da pressão do ouvido.

Mas, é importante que sejam recomendados por um especialista.

Caso os sintomas não desapareçam ou diminuam dentro de alguns dias, é importante buscar atendimento médico e o tratamento dependerá da gravidade dos danos causados pelo barotrauma.

O Hospital Santa Casa de Mauá fica na Avenida Dom José Gaspar, 1374 – Vila Assis – Mauá – fone (11) 2198-8300.  https://santacasamaua.org.br/ .

You may also read!

Prefeito Marcelo Oliveira entrega Terminal Itapeva revitalizado

Conclusão da obra vai beneficiar, acima de tudo, mais de quatro mil passageiros por dia Nesta quarta-feira (17.04), a Prefeitura

Read More...

Coop participa de ação social em Ribeirão Pires

Com a finalidade de colaborar com as famílias dos pacientes em tratamento de dependência química, alcoolismo e transtornos mentais,

Read More...

86ª Festa do Pilar anuncia programação com shows em três dias de celebração

Evento que celebra 310 anos da Capela terá Pixaim, Carol Melo e Karla, Simão e Felipe, Peixe Elétrico e

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu