Chico César e Geraldo Azevedo encerram 2ª Entoada Nordestina de Ribeirão Pires

In ABCD On
- Updated
Cantores animaram o palco Ariano Suassuna. Foto: PMETRP

O evento, um dos destaques do calendário de aniversário da cidade, reuniu arte, comidas típicas e muitos shows, todos ligados à cultura do Nordeste

A 2ª Entoada Nordestina de Ribeirão Pires encerrou neste domingo (24.03) com o grande espetáculo de dois renomados cantores da música popular brasileira, Chico César e Geraldo Azevedo, que brilharam no palco Ariano Suassuna com show da turnê “Violivoz”.

Os visitantes, que também desfrutaram da diversificada gastronomia nordestina, assistiram, em primeiro lugar, ao espetáculo dos dois compositores.

Eles uniram, acima de tudo, diferentes gerações com releituras de clássicos de suas carreiras.

A apresentação, apenas com violões e vozes, teve, por exemplo, um clima de resgate e valorização da cultura nordestina.

No repertório, portanto, clássicos como ‘Dia Branco’, ‘Deus Me Proteja’, ‘Moça Bonita’, ‘Onde Estará o Meu Amor’ e ‘Mama África’, entre outras.

Rebeka Maia, natural de Recife e atualmente moradora de São Bernardo do Campo, curtiu o show ao lado dos amigos Flávia Marques e Gustavo Lamouvier.

“A música é sensacional, o clima da festa é aconchegante e a culinária me reaproximou das minhas raízes. É essencial a Prefeitura promover a Entoada, principalmente para que as pessoas ocupem os espaços públicos que contribuem para disseminar essa cultura tão rica do nosso País”, ressaltou, em resumo, a recifense.

Grandes atrações

Desde  sexta-feira (22), a 2ª Entoada Nordestina reuniu grandes atrações, com destaque para as apresentações musicais de Frank Aguiar e Chambinho do Acordeon.

Artistas locais subiram ao palco O Auto da Compadecida, com o melhor do forró e do sertanejo.

A Tenda Multicultural do evento, Arena Chicó e João Grillo, recebeu atrações infantis, incluindo contação de histórias.

O espaço também ofereceu, da mesma forma, brinquedos infláveis e o palco ‘Baião na Tenda’, área dedicada aos apreciadores do forró.

A parte gastronômica da festa foi um grande destaque. Os 25 chalés gastronômicos apresentaram um cardápio com variedades e especiarias como Baião de Dois, Acarajé, Vatapá, Cuscuz e muito mais. Opções de artesanato também foram atrativas, com mais de 20 barracas oferecendo diversos estilos de arte. Estudantes da rede municipal de Ribeirão Pires ganharam uma exposição que seguirá em cartaz nos próximos dias no saguão do Teatro Euclides Menato, localizado no Complexo. No local, o público pode conferir xilogravuras desenvolvidas por estudantes nas escolas municipais.

O festejo homenageou Ariano Suassuna, paraibano, escritor e símbolo da cultura nordestina, que desenvolveu obras como O Auto da Compadecida e Uma Mulher Vestida de Sol. O grande escritor será homenageado na FLIRP (Feira Literária de Ribeirão Pires), prevista para acontecer no segundo semestre deste ano.

Segundo a GCM (Guarda Civil Municipal), não houve nenhuma ocorrência de briga ou confusão. A GCM, Polícia Militar, Defesa Civil e a Secretaria de Segurança, Mobilidade Urbana e Defesa Civil trabalharam em conjunto ao longo dos três dias de festa.

You may also read!

Selo Empresa Amiga da Pessoa com Deficiência promove inclusão e responsabilidade social em São Caetano

Fruto de uma parceria entre a Sedeti (Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Turismo, Tecnologia e Inovação) e a Sedef

Read More...

Recuperação de Crédito Tributário é estratégia inteligente para impulsionar o fluxo de caixa das empresas

Presidente do Grupo Assertif, entre os 5 maiores do Brasil no segmento de mineração de dados, explica como empresas

Read More...

UNG concede título de Doutor Honoris Causa à pesquisadora Ester Sabino

A homenagem para a cientista reúne, acima de tudo, colegas da profissão, estudantes e autoridades Nesta sexta-feira (14.6), a Universidade

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu