Alunos da MedABC dão apoio no combate ao coronavírus em Santo André

In Canto do Joca On
Fachada da Medicina ABC. Foto de Eduardo Nascimento.

Estudantes orientam usuários pelo 0800 do município e fazem
telemonitoramento de pacientes atendidos pelo ambulatório da faculdade

Alunos dos cursos de Enfermagem e Medicina do Centro Universitário Saúde ABC – FMABC estão contribuindo ativamente no combate à pandemia da Covid-19 no município de Santo André, sede do campus universitário. O serviço de monitoramento dos pacientes, especialmente idosos, é realizado por 118 estudantes, sendo 50 do curso de Enfermagem e 68 de Medicina.

Por meio do serviço de 0800 da Secretaria de Saúde da Prefeitura, os estudantes monitoram voluntariamente os idosos com sintomas leves que já buscaram os serviços de saúde da cidade e estão em isolamento domiciliar. Estes são orientados a retornar ao serviço em caso de piora dos sintomas. A equipe também tira dúvidas sobre sintomas do novo coronavírus, presta explicações sobre formas de diminuir a transmissão e para onde se dirigir em caso de sintomas respiratórios. Ao todo, 68 alunos do 4º, 5º e 6º anos do curso de Medicina se inscreveram voluntariamente para participar dos atendimentos. Já do curso de Enfermagem participam da iniciativa 20 alunos.

ENFERMAGEM

Além disso, alunos de graduação em Enfermagem, que integram a Liga Multiprofissional da Saúde do Idoso, aliados aos residentes de Enfermagem da Saúde do Idoso e Atenção ao Câncer, também fazem o telemonitoramento dos idosos acompanhados pelo Ambulatório de Gerontologia e Estomaterapia. “A ideia é que os usuários não fiquem desassistidos, uma vez que os atendimentos eletivos no ambulatório da faculdade foram suspensos durante a pandemia. O foco são os pacientes mais frágeis, em especial os com quadros demenciais, depressão e feridas crônicas na pele”, explica a coordenadora da Comissão de Residência Multiprofissional em Saúde da FMABC, professora Ana Paula Guarnieri.

De forma voluntária, após seus horários de trabalho, os residentes telefonam semanalmente aos pacientes para acompanhar e solucionar os problemas encontrados no seguimento do tratamento, bem como para conversar com os familiares cuidadores. Estão envolvidos na iniciativa 30 residentes na área de Atenção Básica e 26 destinados aos pacientes atendidos na Atenção Hospitalar. Para as próximas semanas, inclusive, está sendo programada uma interação virtual educativa com familiares de pacientes com demência.

You may also read!

Parque do Guapituba ganha melhorias da Prefeitura de Mauá

Número de frequentadores triplicou, acima de tudo, após o início das intervenções realizadas pela administração municipal O Parque Ecológico do

Read More...

Fies: estudantes podem se candidatar a vagas remanescentes a partir de 27 de junho

Inscrições vão até 1º de julho. Processo oferta vagas que restaram da seleção do primeiro semestre nas instituições privadas;

Read More...

Ministro Wellington Dias debate assistência social em São Bernardo com Luiz Fernando

Encontros servem, em primeiro lugar, para preparação do programa de governo da pré-candidatura de Luiz Fernando ao Paço O pré-candidato

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu